→ Melhore o Processo de Emagrecimento – Entenda Mais

1
5200
views
Sua saúde esta em primeiro lugar?

Recebo perguntas todos os dias sobre como pose-se emagrecer de forma rápida e eficaz. Pois bem, comer de forma moderada e fazer exercícios físicos são, certamente, atitudes necessárias para a perda de peso.

E com certeza, apenas isto não basta, pois outros fatores podem vir a interferir no processo de emagrecimento.

 

  • Leia Também

Biotina | Saiba mais Sobre a Vitamina que faz bem para os Cabelos, Pele e Unhas

Receitas de Pães Funcionais para Fazer em Casa

Moringa | Conheça os Benefícios para a Saúde Dessa Iguaria

 

Primeiras regras para perder peso com qualidade.

A nutrição adequada

Para emagrecer rápido em casa a alimentação deverá ser planejada para perder peso com prazer. Receitas prazerosas, saudáveis, usar a forma de preparo correta, buscar comer alimentos de qualidade e a quantidade ideal.

Os métodos de perder peso

Mude sua dieta com alimentos menos calóricos, faça trocas inteligentes e em vez de fritar: coma cru, cozinhe ou asse. Comer menos alimentos doces e sucos concentrados, não beber refrigerantes (1 litro de Coca- Cola contém 450 calorias, o que pode ser comparado a um bom jantar).

Comer mais vezes, fazendo refeições divididas. Ao ingerir alimentos, o corpo consome pelas necessidades imediatas e para a formação de estoque.

Com intervalos mais longos entre as refeições, maior a chance de guardar energia através de gordura no seu corpo e não ficará com fome se você comer a cada três horas. Além disso, o corpo consome a maior parte da energia na parte da manhã por isso não é interessante ficar com fome de manhã e extrapolar à tarde ou à noite.

Mastigue bem: além de controlar melhor a fome, o seu corpo precisa desse processo para ter mais saúde e boa digestão.

Consuma doce apenas como degustação ou quando estiver com muita vontade, mas antes de ir comer o doce coma uma fruta antes para diminuir a ansiedade Coma a sobremesa apenas quando estiver sem fome, prove devagar e siga o princípio de “menos é mais”.

Você sente muita fome? Controle a fome meia hora antes da refeição principal, beba um copo de leite desnatado com um pedaço de pão preto ou uma banana, maçã, pera ou laranja. Seu corpo vai começar a sentir menos fome e você vai comer menos.

Evite o álcool. Além de conter alta caloria, com ele perdemos o controle sobre a quantidade de alimento que consumimos. O álcool agride o corpo, desregula o sono e o bom funcionamento do organismo.

A atividade física

Mesmo estando nas dietas mais rígidas, não fazer atividade física vai comprometer o resultado. Esportes ativam os processos metabólicos do corpo, elevam o colesterol bom e ajudam a emagrecer.

Pular corda para perda de peso: Pular corda pode manter o corpo em boa forma. Depois de quinze minutos, ele queima 200 calorias, não ocupa muito espaço e pode ser feita em casa. Comece com os saltos mais simples, tente pular baixo, fixando o corpo em uma posição, vá aumentando a dificuldade.

Bambolê: Se usado durante 15 minutos, o bambolê queima a partir de 200 a 250 calorias, e pode estar sempre ao seu alcance. Tem um impacto principalmente na área da cintura, abdômen e coxas, melhorando a redução da celulite. Não é preciso muito para poder se movimentar.

Exercícios pela manhã têm um efeito poderoso sobre o corpo e ainda ajudam as técnicas de respiração. Em casa também podem ser usados outros tipos de exercícios. É só entrar na internet e escolher o que você gosta mais.

Dicas de perda de peso em casa

Mudanças na dieta e aumento da atividade física são componentes fundamentais da perda de peso. Não se esqueça sobre procedimentos adicionais que ajudarão você a perder peso rapidamente em casa. Aqui estão alguns:

Sauna: É uma forma de perda de peso agradável. Dá para ficar mais radical esfregando o corpo com mel ou sal, enquanto a sudorese começa. Contraindicações: presença de erupções cutâneas, arranhões e outras doenças da pele, e problemas com o coração.

Cremes redutores: Especialmente creme termogênico que estimula o metabolismo do corpo, melhora a circulação sanguínea e a drenagem linfática devido ao efeito térmico quando aplicado a áreas problemáticas.

Roupa especial com tecidos de alta tecnologia: shorts, calças, cintos. Usá-los durante a atividade física reforça o efeito do exercício devido ao aquecimento da gordura subcutânea.

Massagem: Uma grande ajuda relaxando o corpo, melhorando a aparência da pele e o metabolismo. Vários massageadores que estão agora à venda, talvez não 100%, mas substituem massagem profissional e ajudam-no a perder peso rapidamente em casa.

Enrolar-se em algas, lama, óleo, mel, argila: Este é um dos processos mais eficazes adicionais para perda de peso, apenas três ou quatro sessões para alcançar uma redução da cintura. Eles também podem ser feitos em casa através da combinação com massagem e banho com sal marinho – o processo de perda de peso será mais rápido.

Humor psicológico

A primeira coisa que você tem a fazer é reconhecer que está doente, especialmente se o seu peso é maior do que o desejado. Se você sabe que não pode e ainda assim você come, isso pode ser sinal de que a ansiedade está grande.

Para tratar essa doença, você precisa mudar o seu modo de vida para sempre, caso contrário, a doença voltará novamente. A decisão de perder peso é apenas sua, ninguém é capaz de fazer você cumprir uma dieta ou exercício, além de você.

Compartilhe com pessoas que têm o mesmo objetivo, escolha um grupo de apoio. Emagrecer é difícil, por isso é importante buscar ajuda. Aprenda a ver suas conquistas diárias e descreva o que está acontecendo com você para que evite os erros e não se puna – sempre siga em frente para melhor. Você deve ser positivo.

Encontre a motivação para perder peso, fique orgulhoso de você. Sempre faça fotos na função beauty da câmera ou celular, arrume o cabelo, use roupas com bom caimento e, se perceber que mudou, festeje o sucesso mantendo-se sempre alegre.

Aprenda esse eficaz truque, substitua pratos grandes por pequenos para comer menos. E o mais importante, nunca duvide do seu sucesso, imagine o que você quer ser e se ame do modo que você é.

O cérebro pode dificultar o processo de emagrecimento?

Por que algumas pessoas perdem peso mais rápido que outras? Quais são os fatores que influenciam no emagrecimento? O que está comprovado é que não é só força de vontade, dieta e exercício físico que contam.

Genética – A genética é um fator crucial. Cada um tem a sua, por isso, as pessoas não fazem as mesmas dietas, não tomam os mesmos medicamentos e não praticam exatamente os mesmos exercícios.

Cada indivíduo é de um jeito e cada organismo responde de uma forma. Os hormônios da fome (grelina) e da saciedade (leptina), por exemplo, podem funcionar de forma diferente em cada pessoa.

A genética deve ser respeitada, mas não é uma sentença: família obesa, filhos obesos. Há como reverter esse processo.

Idade – Após os 25 anos, nosso corpo começa a envelhecer. Depois dos 30 é quando a população sente mais diferença. Perder dois quilos pode ser fácil aos 20 e um sacrifício aos 30.

Isso ocorre porque o metabolismo vai desacelerando e se continuarmos com o mesmo ritmo de alimentação e exercícios, a tendência é engordar. Quanto mais jovem, mais fácil perder peso.

Peso/Composição corporal – Quem tem mais peso, perde mais também. Além disso, se na composição corporal tem mais músculo que gordura, a perda de peso fica mais fácil porque é o músculo que consome mais energia.

Antes de começar – A forma que a pessoa levava a vida antes de iniciar o processo de emagrecimento é importante. Se era daquelas que nunca fez dieta, sempre comeu tudo e mais um pouco e fugia da academia, a mudança brusca de comportamento vai dar um susto no organismo e os quilos vão embora mais rapidamente, principalmente no início.

Hormônios – Doenças hormonais, como da tireoide, deixam o processo de emagrecimento mais difícil. Outro exemplo é a deficiência de testosterona nos homens, que terão dificuldade para produzir músculos, o que também dificulta perder gordura.

É importante fazer exames laboratoriais para checar a saúde hormonal antes de iniciar um processo de emagrecimento.

Empenho e motivação – A motivação individual faz a diferença. É o empenho que ajuda a não sair da dieta ou se esforçar mais no treino. Há pessoas que vão treinar no nível de conforto, outras vão além disso. Há pessoas que se mantém na dieta e outras que saem vez ou outra.

Ambas emagrecem, mas quem se mantém na linha vai perder mais peso. É importante saber que estacionar o peso e até recuperar um pouco faz parte, mas não pode achar que está tudo perdido. Nesses casos, uma revisão de comportamento e novas estratégias podem ser implementadas.

  • Leia Também

Biotina | Saiba mais Sobre a Vitamina que faz bem para os Cabelos, Pele e Unhas

Receitas de Pães Funcionais para Fazer em Casa

Moringa | Conheça os Benefícios para a Saúde Dessa Iguaria

 

10 Maneiras de perder peso sem dieta

1. Corte o açúcar

Ele não oferece nenhum nutriente e tem 4 calorias em 1 grama. Ou seja, só engorda. Pior: assim que é consumido, faz o organismo produzir muita insulina. “Esse hormônio favorece o estoque de gordura e estimula o apetite”, explica Cláudia Cozer, endocrinologista de São Paulo. Não consegue ficar sem um docinho? Então, deixe-o para a sobremesa. A comida segura o índice glicêmico do açúcar, evitando picos de insulina no organismo e a consequente sensação de fome.

2. Ande mais

Sempre que falar ao celular, caminhe. A queima de calorias pode ser mínima, mas é melhor do que ficar parada e não gastar nada. Percorra os trajetos que você faz à pé no dia a dia como se estivesse atrasada para uma reunião. Andar rápido potencializa o consumo de calorias, até nos percursos pequenos.

3. Consuma fontes de ômega-3

O ácido graxo ajuda a reduzir a ansiedade. O que isso tem a ver com calorias? Sob tensão, o organismo produz uma quantidade maior de cortisona, hormônio que, em excesso, rouba energia das células e deixa o organismo faminto, especialmente por alimentos calóricos (pães, massas e doces). O ômega-3 faz mais pelas medidas da cintura: desinflama as células e eleva os níveis de serotonina, controlando o apetite. Boas boas fontes são salmão, atum, sardinha e linhaça.

4. Inclua queijo na sobremesa

Consumido no fim da refeição, esse alimento aumenta a capacidade do organismo de queimar gordura. O mérito é do ácido linoleico conjugado (CLA) presente no queijo, segundo estudo do Centro de Pesquisa de Alimentos Moorepark, na Irlanda.

5. Capriche nas fibras

Uma pesquisa publicada na revista científica americana Journal of Clinical Nutrition mostrou que essas substâncias são capazes de reduzir o peso e afinar a circunferência da cintura por mais de um motivo. Dão saciedade, retardam o esvaziamento gástrico, seguram o índice glicêmico, varrem as toxinas e estimulam o funcionamento do intestino. Consuma entre 25 e 35 gramas de fibras por dia.

6. Comece o treino pela musculação

O exercício localizado usa o glicogênio estocado no músculo como fonte de energia. Isso obriga o organismo a acionar os estoques de gordura no exercício aeróbico. É por isso que malhar nessa sequência traz resultado mais rápido na balança.

7. Alimente-se antes de malhar

Quando você treina de barriga vazia, queima músculos e poupa gordura. Não é esse seu objetivo, certo? Por isso, coma uma fatia de pão com geleia, biscoito ou fruta, alimentos que oferecem energia rápida. Assim, você também garante disposição para uma aula puxada, queimando mais calorias.

8. Tome leite!

É um alimento com alto teor de cálcio, mineral que estimula a queima de gordura, afirma um estudo do Instituto de Nutrição da Universidade do Tennessee, nos Estados Unidos. Mas fique atenta às reações do seu organismo: digestão difícil, gases e barriga inchada são sinais de alergia à proteína do leite. Esse processo desencadeia inflamação nas células, resultando em peso extra. Alternativa: aposte no cálcio vindo dos vegetais como couve, brócolis e gergelim.

9. Coma amêndoa

Um punhado pequeno (30 gramas) por dia ajuda a enxugar gordura. De acordo com uma pesquisa publicada na revista americana International Journal of Obesity, voluntários que comeram essa oleaginosa por seis meses secaram 18% da gordura corporal diante de 11% dos que não consumiram.

10. Em jejum

Para manter o metabolismo acelerado, tome um copo de água com limão ainda em jejum. A fruta tem ação alcalinizante e, por isso, deixa o pH do sangue e de outros líquidos corporais menos ácidos. Isso favorece o funcionamento do metabolismo e do organismo como um todo.

Veja opções de gorduras do Bem

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

? Inclua na sua alimentação boas fontes de gordura. ? ● Auxiliam a manter níveis corretos de colesterol; ● Reduzem os triglicerídeos sanguíneos; ? ● Previnem doenças cardiovasculares; ❤️ ● Melhoram a circulação sanguínea; ● Melhora da saúde do sistema nervoso (melhora memória, concentração e reduz o risco de doenças neurodegenerativas); ● Melhora do sistema imunológico; ? ● Função anti-inflamatória; ● Sensação de saciedade; ● Energia para os músculos; ? . . . #gorduras #lipideos #boasgorduras #saciedade #reeducaçãoalimentar #dicadodia #nutrição #habitos #saudáveis #novoshabitos #reeducaçãoalimentar #lifestyle #nutrindo #saúde #foconameta #novasmetas #rotina #bemestar #funcional #mude #maissaude #maisnutricao #isamatosnutri #dicasnutri #dicasisanutri #facaoseumelhor #cuidedoseucorpo

Uma publicação compartilhada por ISABELA MATOS (@isabela.matosnutri) em

 

Isabela Matos, Nutricionista e Especialista em Nutrição Clínica Funcional e Fitoterapia. Acredita que a alimentação ideal não é medida por calorias, e sim por nutrientes, comer bem pode e deve ser um prazer!
Compartilhe
Loading Facebook Comments ...

1 COMMENT

Deixe uma resposta